Presentinho [Ao Vivo]

by Guga Nandes




Eu não sei 
O que é que essa mina tem 
Pra me deixar assim 
Meu bem 
Eu não consigo entender 
Só vem você 
No pensamento

Me diz 
Não posso me precipitar 
Me apaixonei por esse olhar 
E a sua boca 
Nem preciso dizer nada 
Eu só quero beijar

Então acaba logo 
Com essa história 
De distância 
Pra que ter medo 
Se o amor chegou 
Sem avisar
E 'tá batendo aí 
Abre essa porta 
Depois não esquece de trancar 

Eu pedi pra Deus 
Um presentinho
E olha quem 'tá 
Segurando a minha mão 
Não solta não 
Não solta não 
Ou me belisca 
Pra saber se é coisa da imaginação

Eu pedi pra Deus 
Um presentinho
E olha quem 'tá 
Segurando a minha mão 
Não solta não 
Não solta não 
Ou me belisca 
Pra saber se é coisa da imaginação

Eu não sei 
O que é que essa mina tem 
Pra me deixar assim 
Meu bem 
Eu não consigo entender 
Só vem você 
No pensamento

Me diz 
Não posso me precipitar 
Me apaixonei por esse olhar 
E a sua boca 
Nem preciso dizer nada 
Eu só quero beijar

Então acaba logo 
Com essa história 
De distância 
Pra que ter medo 
Se o amor chegou 
Sem avisar
E 'tá batendo aí 
Abre essa porta 
Depois não esquece de trancar 

Eu pedi pra Deus 
Um presentinho
E olha quem 'tá 
Segurando a minha mão 
Não solta não 
Não solta não 
Ou me belisca 
Pra saber se é coisa da imaginação

Eu pedi pra Deus 
Um presentinho
E olha quem 'tá 
Segurando a minha mão 
Não solta não 
Não solta não 
Ou me belisca 
Pra saber se é coisa da imaginação

Eu pedi pra Deus 
Um presentinho
E olha quem 'tá 
Segurando a minha mão 
Não solta não 
Não solta não 
Ou me belisca 
Pra saber se é coisa da imaginação

Eu pedi pra Deus 
Um presentinho
E olha quem 'tá 
Segurando a minha mão 
Não solta não 
Não solta não 
Ou me belisca 
Pra saber se é coisa da imaginação

Written by: Gustavo Moura Fernandes

Lyrics © Universal Music Publishing Group

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind

© Lyrics.com