Lyrics.com »

Search results for 'daninha'

Yee yee! We've found 125 lyrics, 0 artists, and 0 albums matching daninha.

Year:


Filter by gender:

Lyrics:

daninhas à volta 
E o que vier virá lembrar 
O que a vida prende a saudade solta 
E sombras que houver eu hei-de afastar 
E todas as ervas daninhas
Que elas vai' sentar no masckinha (Mascka)
Que elas vai nadar sem calcinha
Chapadão de erva daninha (daninha)
Quero money igual ladainha
Grana pra
feliz
Lisboa, que idéia daninha
Vaidosa, alfacinha,
Casar com Paris
Lisboa, tens cá namorados
Que dizem, coitados,
Com as almas na voz
Lisboa, não
as ervas daninhas
As armas e os homens de mal
Vão desaparecer nas cinzas de um carnaval

Vai resplandecer
Uma chuva de prata do céu vai descer, lá-ra-iá
E o
feliz
Lisboa, que idéia daninha
Vaidosa, alfacinha,
Casar com Paris
Lisboa, tens cá namorados
Que dizem, coitados,
Com as almas na voz
Lisboa, não
Ô maninha
Vamos fazer um roçado
Cortar o que?
Ervas daninhas
Tais como as quais
Que estão lá no cerrado
Ceifar os cantos
Lá nos meios e nos
sustentar ou não. Se
há erva daninha nesse jardim é porque seu próprio processo de
raciocínio e de decisão permite sua existência.
Igualmente, o mesmo
enche seu cantil. 
 

A enxada está no terreiro a sua espera 

Preparada, para o terreno, capinar 

Tirar a erva daninha da roça 

Deixando o legume
daninha.
com xerecão tu vai no chão de quatro tu tomar tapão prazer eu sou seu maridão (4x)

e vai no chão e vai no chão (6x)

Ela sabe que fim de semana eu
Não vim do nada, pode que crê, que eu vim de rainha
Eu to cortando as raízes dessa erva daninha 
Que todo dia querem fuder com a minha alto estima
Num tempo que nem cego deixa de ver
O que se planta é só pra seu fruto colher
Erva daninha aos montes até pra vender
Help! I need somebody

Pare tudo,
a barrigueira
E o bichinho bagaceira acordou de madrugadinha
Coisa daninha como a xica se boleia
Me mordendo as oreia, eu na dela e ela na minha
Coisa daninha
Erva Daninha

Você chegou e tomou conta do meu coração e fez seu ninho como alguém que não vai mais embora
e pouco a pouco foi expulsando a solidão
mundo é trepadeira, você é erva daninha
Paz é igual calcinha, não é qualquer um que tira a minha
Diz que o mundo é trepadeira, mas cê é erva daninha
Quem não fica bravo dando sol e água e vendo brotar erva daninha
Chamei de banquete era fim de feira
Estendi o tapete mas ela é rueira
Dei todo amor,
da tua cozinha
Sou erva daninha que nasce em qualquer lugar

Já vivi de ocasião
Já mudei de opinião
Já fui pedra, fui vidraça
Mas com raça não
Coberto de flor
Pois hoje só dá erva daninha
No chão que ele pisou
Se lembra do futuro
Que a gente combinou
Eu era tão criança e ainda sou
Querendo
que ideia daninha
Vaidosa, alfacinha
Casar com Paris
Lisboa, tens cá namorados
Que dizem, coitados
Com as almas na voz
Lisboa, não sejas francesa
Tu és
daninhas
Diga

Quem me dera te proteger
Desses tantos perigos
Aquela que é mãe pra nós
E que nos criou
Com sua voz

Ó cidade amada
Minha
cantar afinal
As pragas e as ervas daninhas
As armas e os homens de mal
V??o desaparecer nas cinzas de um carnaval (2X)
objetivo
eu sei que tem erva daninha mas mesmo assim sobrevivo

Então,
Se prepara tamo no jogo
que os menino é bom a pista pega fogo
então, Se prepara que
“Ó Eterno, vê! Quantos inimigos! Brotam como erva daninha, Um enxame deles me cerca, gritando insultos: Nenhuma ajuda de Deus vem para ele! Mas tu, ó
sol

Minha flor sem cheiro é de cor amarela
Não é feia, nem é bela, é só desdém
Minha flor tá num jardim de erva daninha
Não é rosa, nem é minha, é de
almas daninhas
Que o poder das trevas fica efêmero
Quando se conhece o verdadeiro amor
Sem medo 
No meu mundo poderei voar
No meu mundo poderei falar com

Discuss these daninha Lyrics with the community:

0 Comments

    We need you!

    Help build the largest human-edited lyrics collection on the web!

    Search for song lyrics by

    Genres

    Styles